Menu
Portal Ciencia.ao

Portal Ciencia.ao

Oportunidade: Fundação Calouste Gulbenkian realiza 3ª Edição do Curso em Gestão de Ciência para investigadores dos PALOP

A Fundação Calouste Gulbenkian, em colaboração com a Fundação “la Caixa”, o Centro de Investigação em Saúde de Manhiça e o Instituto de Saúde Global de Barcelona informam que estão abertas as candidaturas para a 3ª Edição do Curso de Gestão de Ciência para investigadores dos PALOP, até ao dia 09 de Fevereiro de 2020.

O curso tem como objectivo capacitar os participantes com uma variedade de conhecimentos especializados e competências para lidar com os desafios da colaboração internacional na investigação em saúde global, bem como abordar questões transversais, fundamentais para o reforço das capacidades científicas das instituições de investigação africanas.


Datas de realização do curso

O curso terá uma duração total de 2 semanas, decorrendo em Lisboa, de 18 a 22 de maio 2020, e em Barcelona, de 25 a 29 de maio 2020.

 

Elegibilidade

Este curso destina-se a investigadores e/ou gestores nacionais dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa, que trabalhem na área de investigação em saúde. Os candidatos devem:

  • Ter um mínimo de cinco anos de experiência profissional;
  • Ter Idade inferior a 45 anos;
  • Ter nível intermédio de proficiência na língua inglesa
  • Obter uma carta de apoio à frequência do curso, assinada pelo director da instituição onde trabalha;

Como concorrer

As candidaturas devem ser obrigatoriamente submetidas através do formulário online, dentro do prazo estabelecido. Ao aceder o site, o candidato deve fazer o login para criar uma conta (guarde os seus dados para posteriormente acompanhar o seu processo), ler atentamente o regulamento e juntar toda a documentação necessária antes de submeter a candidatura.

Para mais informação aceda: https://gulbenkian.pt/grant/curso-em-gestao-de-ciencia-para-investigadores-dos-palop-3/ 

Candidaturas às Bolsas de Mérito para o ano 2020 começam já em Janeiro!

COMUNICADO DE IMPRENSA


No âmbito da materialização do Programa de Envio Anual de 300 Licenciados/Mestres Angolanos com elevado Desempenho e Mérito Académico para as Melhores Universidades do Mundo, aprovado à luz do Decreto Presidencial n.º 67/19 de 22 de Fevereiro, o Ministério do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação informa às famílias que as candidaturas às Bolsas de Mérito para o ano de 2020, estarão abertas de 13 de Janeiro a 31 de Março de 2020.
Tendo em conta que se pretende dar tempo para que os candidatos se preparem de forma adequada, vimos por meio deste comunicado, publicar o edital em anexo.
As candidaturas serão feitas exclusivamente através do portal www.inagbeonline.com.

Para mais informação, baixe aqui o EDITAL.

Ministério do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação, 27 de Dezembro de 2019.

Oportunidade: Bolsa de Estudo para Cursos de Formação de Professores para o Ensino Técnico-Profissional

 

A formação de professores para o ensino técnico-profissional é uma das prioridades do RETFOP, Projecto de Revitalização do Ensino Técnico e da Formação Profissional de Angola, desenvolvido com financiamento da União Europeia, no âmbito da cooperação com a República de Angola.

A Universidade Agostinho Neto e a Universidade José Eduardo dos Santos, em conjunto com o ISCED de Luanda e o ISCED do Huambo, oferecem, já no ano escolar de 2020, um total de 11 cursos de formação de professores em diferentes áreas, com um total de 475 vagas, a que podem candidatar-se os diplomados do ensino secundário geral, pedagógico e técnico-profissional, desde que reúnam as condições referidas nas tabelas abaixo.

OS NOVOS CURSOS

Grau académico: Bacharel em Ensino
Duração: 3 anos
Onde vão funcionar?
Luanda - Universidade Agostinho Neto – Faculdade de Engenharia
Huambo – Universidade José Eduardo dos Santos – Faculdade de Ciências Agrárias


INSCRIÇÕES

As inscrições aos cursos serão efectuadas na UNIVERSIDADE AGOSTINHO NETO –CAMPUS – CAMAMA (em Luanda) e na FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS da UNIVERSIDADE JOSÉ EDUARDO DOS SANTOS (no Huambo), obedecendo os calendários normais das respectivas Universidades.

 

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA A INSCRIÇÃO

No acto da inscrição o candidato(a) deve apresentar os seguintes documentos:
1. Original do Certificado de habilitações (curso médio ou pré-universitário ou antigo 7º Ano do Liceu ou Diploma Estrangeiro reconhecido pelo MED) com notas discriminadas de todas as disciplinas e anos, acompanhada de uma fotocópia que ficará arquivada, depois de confrontada com o original.
2. Original do B.I. acompanhado de uma fotocópia que ficará arquivada depois de confrontada com o original.
3. Atestado da situação Militar Regularizada para os candidatos em idade militar.
4. Três (3) fotografias coloridas tipo passe e recentes.


APOIOS PARA A FREQUÊNCIA DOS CURSOS

Todos os alunos matriculados, nos cursos de formação de professores, terão direito a uma bolsa de estudo de valor a fixar no respectivo regulamento, mediante a assinatura de um contrato de bolseiro. A Bolsa será atribuída após a realização da matrícula num dos cursos referidos acima.

 

Para mais informação baixe aqui o Flyer Informativo.

Oportunidade: Candidate-se às bolsas da China para 2020!

O Instituto Nacional de Gestão de Bolsas de Estudo (INAGBE) informa que estão abertas, até ao dia 3 de Janeiro de 2020, as candidaturas às bolsas de estudo externas (BEE) de graduação e pós-graduação, para a República da China.

Para a graduação estão disponíveis os cursos das áreas técnicas e tecnológicas e das ciências da saúde.
Para a pós-graduação estão disponíveis cursos de todas as áreas.
As candidaturas devem ser feitas no portal do INAGBE (www.inagbeonline.com)

 

Requisitos para a Candidatura às BEE para os cursos de graduação:

• Ter nacionalidade angolana e residência permanente no país;
• Ter idade não superior a 22 (vinte e dois) anos;
• Ter comportamento moral, cívico e patriótico de referência;
• Possuir média não inferior a 14 (catorze) valores, particularmente nas disciplinas de base para o curso escolhido, excepto se outra for a exigência do país doador;
• Não ter interrompido o ciclo de formação após a conclusão do II Ciclo do Ensino Secundário por um período superior a 1 (um) ano;
• Possuir aptidão física e mental, comprovada por Atestado Médico;
• Ter situação militar regularizada devidamente comprovada, para os cidadãos do sexo masculino;
• Preencher as exigências estabelecidas pelo país doador e acolhedor.


Requisitos para a candidatura às BEE para os cursos pós-graduação:

• Ter nacionalidade angolana com residência permanente no País;
• Ter idade não superior a 35 (trinta e cinco) anos para cursos de mestrado e 45 (quarenta e cinco) anos para cursos de doutoramento;
• Ter comportamento moral, cívico e patriótico irrepreensível;
• Ter experiência profissional comprovada na área de conhecimento em que se formou e em que pretende fazer mestrado ou doutoramento;
• Apresentar um projecto de investigação científica da sua área de conhecimento, com relevância para o desenvolvimento local, regional ou nacional, validado pelo Conselho Científico de uma Instituição de Ensino Superior do País indicado pelo serviço competente do Órgão de Tutela;
• Preencher os requisitos estabelecidos pelos país doador ou acolhedor.

 

Documentos para a candidatura

• Bilhete de Identidade;
• Certificado de habilitações literárias e/ou diploma;
• Registo criminal;
• Atestado Médico;
• Talão de recenciamento militar para os homens.

*Decreto Presidencial nº165/14, de 19 de junho, Regulamento de Bolsas de Estudo Externas

Assinar este feed RSS

Links Úteis

Links Externos

Contactos

Redes Sociais