Menu
Portal Ciencia.ao

Portal Ciencia.ao

Realizada a 1ª e 2ª Sessão do Seminário sobre Criação, Gestão e Indexação de Revistas Científicas - MESCTI/UÓR

O Seminário sobre a criação, gestão e indexação de revistas científicas teve a sua sessão de abertura presidida pelo Secretário de Estado para a Ciência, Tecnologia e Inovação, Prof. Dr. Domingos da Silva Beto, em representação à Ministra do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação, na Universidade Óscar Ribas, em Luanda, no dia 29 de Julho de 2020, pelas 10:00.

A sessão contou com a presença da Embaixadora de Angola na UNESCO, Ana Maria de Oliveira, representantes de IES, II&D, Editoras e de Associações Profissionais, bem como da Comunicação Social.

O Magnífico Reitor da Universidade Óscar Ribas, Prof. Dr. Eurico Wongo Gungula, apresentou os cumprimentos de boas vindas e realçou a importância do seminário, bem como das parcerias com o MESCTI, UAEM através da Realyc/Amelica e da UNESCO.

A Directora Executiva da Redalyc e Presidente da Amelica-México, Prof. Dra. Arianna Becerril-Garcia saudou a iniciativa e mostrou a disposição em contribuir para a realização do seminário e a criação de infraestruturas que facilitem a criação, melhorem a gestão e contribuam para a indexação de publicações científicas em Angola.

O Director Nacional de Ciência e Investigação Científica, Prof. Dr. António de Alcochete, fez o enquadramento político do seminário, apresentou os objectivos, os resultados esperados e o programa do seminário.

O Secretário de Estado para a Ciência, Tecnologia e Inovação, Domingos da Silva Neto, no seu discurso de abertura, enfatizou que a publicação de obras científicas é, antes de tudo, um mecanismo credível de validação e consequente valorização dos resultados obtidos na investigação científica, para que estes tenham uma maior probabilidade de serem competitivos agregando valor nos processos de ensino e aprendizagem e de geração de tecnologia para o desenvolvimento do sector produtivo ou da indústria, bem como destacou a retroalimentação que a qualidade das publicações científicas fazem para o PDN 2018-2022 e para as Agendas 2030 e 2063.

 

O Seminário sobre a criação, gestão e indexação de revistas científicas está comporto por 5 sessões, nomeadamente:

  • Sessão 1: CTI: publicação vs produção científica de Angola - Dia 29.07.2020;
  • Sessão 2 – Criação, gestão de revistas científicas e funcionamento de redacções de revistas e editoras de livros técnico-científicos - Dia 05.08.2020;
  • Sessão 3 – Indexação e classificação de revistas científicas vs valor relativo das publicações científicas - Dia 12.08.2020;
  • Sessão 4 – Impacto da internacionalização das revistas científicas - Dia 19.08.2020;
  • Sessão 5 – A pertinências das redes de investigação científica no desenvolvimento sustentável - Dia 26.08.2020;

 

 

1ª SESSÃO DE TRABALHO

A primeira sessão de trabalho do Seminário teve como tema “CTI: publicação versus produção científica de Angola” e foi realizada no dia 29 de Julho de 2020, entre as 15:00 e as 17:00 horas, na Plataforma GotoWebinar, facilitada pela UAEM- Redalyc/Amelica.

A sessão, moderada pelo Prof. Dr. Emanuel Catumbela, Director Nacional de Formação Pos-Graduada contou com 308 participante de 569 inscritos de 20 países (Angola, Alemanha, Argentina, Bolívia, Brasil, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Cuba, Equador, Estados Unidos da América, França, México, Portugal, Perú, Timor-Leste, Venezuela, Romênia, Federação Russa, Reino Unido, Tunísia) que mostraram nível e índice médios de interesse na ordem dos 81,51% e 84%, respectivamente, e teve como apresentadores o Prof. Dr. Domingos da Silva Neto e Prof. Dr. António de Alcochete que apresentaram os temas “ponto de situação da CTI e a produção científica e tecnológica em Angola” e “iniciativas de avaliação das revistas científicas”.

Os participantes apresentaram 164 perguntas e comentários sobre políticas e estratégias de apoio as publicações científicas, a criação de capacidades humanas e infra-estruturais para a produção científica, a criação de condições para promover a qualidade e quantidade das publicações científicas, a cooperação científica e tecnológica na produção e publicação científica.

 

2ª SESSÃO DE TRABALHO

A segunda sessão de trabalho do Seminário, com o tema “Criação, gestão de revistas científicas e funcionamento de redacções de revistas editores de livros técnico-científicos” realizou-se no dia 5 de Agosto de 2020, entre as 15:00 e as 17:00 horas, na Plataforma GotoWebinar, facilitada pela UAEM- Redalyc/Amelica.

A sessão, moderada pelo Prof. Dr. António de Alcochete, contou com 312 participantes de 23 países que mostraram nível e índice médios de interesse na ordem dos 82% e 79,11%, respectivamente, e teve como apresentadores o Dr. Neupane Bhanu, representante da UNESCO, e o Prof. Dr. Eurico Wongo Gungula que apresentaram os temas “Políticas de apoio da UNESCO ao acesso aberto e as perspectivas para Angola”, “procedimentos preliminares para a criação e gestão de uma revistas científica a partir de uma IES ou II&D”, “diagnóstico das revistas científicas electrónicas existentes em Luanda e em Angola”, e “experiência sistematizada para a indexação da revistas d SAPIENTIAE”.

Os participantes apresentaram 177 perguntas e comentários sobre as políticas da UNESCO par Angola em matéria de acesso aberto às publicações, sobre a obrigatoriedade das IES terem revistas científicas, sobre a criação dos órgãos editoriais e de gestão, sobre os critérios ou passos para a indexação, as condições de registo ISSN e/ou ISBN no país e sobre os custos financeiros da criação, gestão e indexação de publicações científicas.

 

Mais informação: https://www.facebook.com/www.uor.ed.ao

TWAS - SISSA - Lincei: Candidaturas Abertas para o Programa de Bolsas de Intercâmbio - 2 de Novembro

A Academia Mundial de Ciências - TWAS, em colaboração com a Academia Lincei e a Escola Internacional Superior de Estudos Avançados - SISSA, oferece bolsas de intercâmbio para jovens investigadores de países em desenvolvimento. Com estas bolsas os jovens terão a oportunidade de visitar laboratórios de investigação como a SISSA, em Trieste, Itália, para realização de trabalhos de investigação em áreas científicas no portfólio da SISSA.

As propostas de projectos de investigação devem enquadrar-se no campo da ciência da sustentabilidade e, devem ser relevantes para as áreas que apoiam os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas.

Estas bolsas de intercâmbio tem como objectivos melhorar a capacidade de investigação de cientistas promissores, especialmente aqueles que estão no início de sua carreira de investigação, e catalisar a formação de contactos de investigação científica para maior colaboração.

O Ministério de Relações Exteriores e Cooperação Internacional da Itália e a Agência Italiana de Cooperação para o Desenvolvimento, através da TWAS, cobrirão as despesas de viagem e os custos de subsistência para a estadia na Itália. A administração e operação financeira da TWAS são realizadas pela UNESCO, em conformidade com um acordo assinado pelas duas organizações.

 

Elegibilidade

  • Os candidatos devem ter idade máxima de 40 anos.
  • Os candidatos devem possuir um mestrado (ou superior).
  • Os candidatos devem ser nacionais de um país em desenvolvimento (consulte a definição das Nações Unidas em https://www.un.org/development/desa/dpad/least-developed-country-category.html, bem como uma lista de países elegiveis).
  • Os candidatos devem ocupar uma cargo de investigação em um país em desenvolvimento.
  • Atenção especial será dada a projectos de investigação que se enquadrem no âmbito da ciência da sustentabilidade.
  • As mulheres cientistas são especialmente incentivadas a candidatarem-se.
  • Os candidatos já existentes no país anfitrião não são elegíveis.
  • Apenas as inscrições nos campos científicos especificados abaixo e listadas no formulário de inscrição serão consideradas.

Campos científicos:

FÍSICA

- Física das Astropartículas (APP)
- Astrofísica e Cosmologia (APC)
- Teoria e Simulação Numérica de Matéria Condensada (CM)
- Física e Química de Sistemas Biológicos (SBP) 
- Física Estatística (SP)
- Física teórica de partículas (TPP)
- Iniciativa do Departamento de Excelência em Ciência de Dados (DS)

NEUROCIÊNCIA

- Neurociência Cognitiva
- Neurobiologia
- Genômica Funcional e Estrutural 

MATEMÁTICA

- Geometria
- Analise matemática
- Modelagem matemática
- Física matemática
- Análise numérica e computação científica
- Ciência de Dados

EXTENSÃO DA CIÊNCIA

- Por favor, consulte: https://www.sissa.it/interdisciplinary-laboratory

Projectos relacionados à COVID

- Consulte: https://www.sissa.it/news/sissa-projects-and-covid-19

 

As candidaturas deverão ser submetidas até ao dia 2 de Novembro do corrente ano. Para mais informação, consulte: https://twas.org/opportunity/twas-sissa-lincei-research-cooperation-visits-programme

Oportunidade: Vaga para Assistente Técnico - Programa UNI.AO

A empresa NOX está a recrutar um Assistente Técnico para a “UNI.AO” - Programa de Apoio ao Ensino Superior gerido pela Expertise France com o financiamento da União Europeia.

O objectivo geral deste programa é aumentar a diversificação económica e a criação de emprego em sectores prioritários. 

No âmbito do projecto, este assistente técnico será colocado junto do Ministério do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação (MESCTI), sendo o seu principal objectivo o apoio técnico ao Ministério para implementação da estratégia de especialização, um acesso equitativo a nível da pós-graduação e uma melhor ligação com as empresas.

O Assistente técnico nacional terá como funções principais o apoio e seguimento da criação do Fundo Europeu para Ciência, Investigação e Tecnologia (FUECIT) que servirá de piloto para a experiência de lançamento de um fundo nacional.

Requisitos:

  • Ensino Superior em Gestão ou áreas afins;
  • Mínimo 5 anos de experiência no sector do Ensino superior em Angola;
  • Experiência prévia requerida em preparação e gestão de subvenções/concursos públicos/fundos de investigação;
  • Disponibilidade para viajar nas províncias.

Os interessados deverão enviar o CV actualizado para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. indicando a refª AT-EF.

 

Mais informação: https://www.linkedin.com/feed/update/urn:li:activity:6689562788479700992

Programa UNI.AO - Concurso Público para as Instituições de Ensino Superior - Prazo Actualizado (7 de Setembro).

 

O Programa de Apoio ao Ensino Superior- UNI.AO é um programa de cooperação desenvolvido entre a União Europeia e a República de Angola visando apoiar o ensino superior angolano. O programa tem uma duração de 5 anos (2019- 2024) e é implementado em regime de cooperação delegada pela agência Expertise France.

O objectivo geral do programa UNI.AO é aumentar a diversificação económica e apoiar a criação de empregos de quadros altamente qualificados em sectores prioritários.

Nesta perspectiva, está planeada a criação de um curso de especialização em gestão do ensino superior, constituindo um curso que deverá ser realizado duas vezes (uma sessão de maio a Outubro de 2021 e outra em 2022-23) e contar com aproximadamente 100 participantes por sessão. A identificação das maiores necessidades das IES em termos de gestão de ensino superior foi realizada com dois workshops em Luanda em Fevereiro de 2020 reunindo reitores, vice-reitores, decanos, coordenadores de curso, e funcionários de apoio administrativo dos cursos de pós-graduação, e com um inquérito online para gestores (120 respostas).

A selecção dos beneficiários será feita em base ao mérito e a ligação com um projecto inovador. Entendemos “projecto inovador” como uma proposta concreta para melhorar a prática profissional do/a candidato/a, que será parte da candidatura. Por exemplo: uma identificação de desafios/obstáculos na IES onde a/o candidata/o desenvolve a sua actividade completada com uma justificação de como este curso poderá ajudá-la/o a encontrar soluções. No fim do curso, a/o candidata/o apresentará um trabalho final com uma descrição detalhada de como resolver esses desafios.

A Expertise France procura recrutar uma entidade ou um consórcio para conceber o curso e implementá-lo.

Para acederem à área de consulta do concurso ou apresentarem as suas propostas, os proponentes devem ligar-se à Plataforma de Contratação Pública no endereço seguinte: https://www.marches-publics.gouv.fr/app.php/consultation/616111?orgAcronyme=s2d:

  • Entité publique/Entidade pública: Operadores do Estado;
  • Entité d’achat/Entidade adquirente: OPERADORES / EF – EXPERTISE FRANCE;
  • Référence/ Referência: UNI.AO_AOO1-2020.

A entrega por meios desmaterializados é obrigatória. Qualquer entrega por outros meios será rejeitada.

Data limite para entrega das propostas: 7 de Setembro de 2020 as 11:00 (horário de Angola).

Para apoio técnico, contactar a Equipa do Programa UNI.AO através do endereço: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

Faça o download dos Termos de Referência e as Peças do Concurso.

Assinar este feed RSS

Links Úteis

Links Externos

Contactos

Redes Sociais